Morena do Rio Vermelho

OUVIR, com Osvaldo Fahel

Toada romântica, que Osvaldo Fahel compôs e musicou em 1962, inspirado em Regina Pereira de Mello (Regina de Mello Padilha), que tinha sido Rainha do Rio Vermelho em 1954. No ritmo das serestas, além de exaltar a beleza da mulher riovermelhense, a música transformou-se num verdadeiro hino do bairro descoberto em 1509, por Diogo Álvares Corrêa, o Caramuru. Eis a letra:


MORENA DO RIO VERMELHO

Morena bela do Rio Vermelho
Teu lindo olhar é um espelho, morena
Onde vejo o luar.

Tu tens nos olhos o verde do mar
E no verde do mar dos teus olhos, morena
Eu queria me afogar, morena.

Quisera ser um chorão
Cantar minhas mágoas
Numa canção e viver.

E morrer prisioneiro
Entre as paredes do
Teu coração, morena